Cesar Villela no Centro Cultural Correios – Rio de Janeiro

 

Conhecido nos anos 60 e 70, quando produzia as principais capas de “Long Plays” da Bossa Nova (estima-se que tenha criado mais mil capas de discos), o artista plástico carioca, Cesar Villela, expõe 21 trabalhos de diversas dimensões, óleo sobre cartão francês, dentro da temática “Dom Quixote” e seu fiel escudeiro Sancho Pança.

Poucos tiveram oportunidade de conhecer esse seu lado artístico, uma vez que após sua fase como designer, quando se dedicou exclusivamente à pintura, esteve longo tempo ausente do Brasil, morando nos Estados Unidos. Na Estação do Metrô de Ipanema uma obra de Cesar Villela é vista por todos que ali circulam diariamente: o painel de azulejos “Violões da Bossa Nova”, com textos do jornalista Ruy Castro.

O compositor, violonista e arranjador Roberto Menescal definiu a obra de Cesar Villela no seguinte comentário: “com traços aparentemente simples, claros, objetivos, deixando uma marca com tamanha personalidade, Cesar, se quisesse, poderia abrir mão da assinatura nas suas obras, pois elas serão reconhecidas como de sua autoria em qualquer lugar do mundo onde as encontremos. A Cesar, o que é de Cesar”.

Serviço:

Exposição: “Cesar Villela”
Período: 19 de janeiro a 18 de março de 2012
Curadoria: Ricardo Kimaid
Apoio Cultural: Correios
Realização: Centro Cultural Correios

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Exposições. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s